Gente, a @andressadss mandou as fotos do processo de recuperação da pele dela e ainda compartilhou algumas dicas de como alcançou o controle da dermatilomania (skin picking)!

Um resuminho da história dela: a Andressa tem 24 anos e desde os 8 anos de idade não usava short por causa das feridinhas nas pernas. Há 1 ano ela está em tratamento e já melhorou muuuuito. Já está até usando vestido! Na foto 1 o antes. Fotos 2 e 3 o durante, feridinhas cicatrizadas e muitas manchinhas. Foto 4 é o hoje, bem recuperada e firme no tratamento!

Sobre o caminho que ela seguiu (vou fazer um complemento meu aqui: primeiro passo, ela entendeu o que se passava com ela e admitiu que precisava de ajuda, né?): ela procurou um médico alergologista, que foi o médico anjo que a ajudou a superar essa compulsão que tanto nos consome: Dr. Miguel Croce, um boliviano que clinica em MG. O passo inicial indicado pelo médico foi uma injeção para ajudar a secar as feridas, e, em continuidade, com outros médicos, uma combinação de medicação e psicoterapia.
Agora o desafio da Andressa são as manchinhas, que podem demorar um pouquinho, mas um dia vão sumir. Tem tratamentos e ácidos para nos ajudar nisso. A batalha mais importante foi superada: deixar as feridinhas cicatrizarem e controlar a compulsão. É um desafio para toda a vida, mas é possível chegar lá!

O que a gente vem fazer aqui é compartilhar dicas e os nossos sucessos pra ajudar você, que está querendo trilhar esse caminho, ou que está no meio dele. Compartilhe com a gente as suas dicas, dúvidas e as suas dificuldades. Estamos juntos nessa batalha!
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
PARABÉNS, @andressadss
E OBRIGADA POR DIVIDIR A SUA HISTÓRIA!


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *