Tiques, Tourette e TOC. Tem alguma relação entre componente genético e transtornos mentais?

Outra reflexão depois de ver o filme Toc Toc. Um dos personagens tem Tourette e vários tiques. Fui ler um pouco sobre isso (sim, sou uma mente inquieta e gosto de ler sobre os assuntos que me tocam) e achei uma entrevista no site do Dr. Dráuzio Varella. De tudo o que li me chamou a atenção a relação do componente genético nos transtornos mentais. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀
Foi então que me passou uma coisa pela cabeça que – veja lá e filtre o que eu vou dizer – pode ser que, no meu caso, tenha alguma relação. Meu pai e os dois irmãos dele (tia e tio paternos) têm algum tipo de tique nervoso, os chamados cacoetes. Meu pai arregala os olhos o tempo todo. Meu tio alisa o colarinho da camisa o tempo todo. Minha tia faz ruídos com a boca e move a cabeça (os dela são engraçados). Os três têm esses comportamentos em uma frequência muito maior do que seria considerado “normal”.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Será então que eu tenho esse genezinho sem vergonha e ao invés de tique desenvolvi o transtorno de escoriação? E o pior: passei a vida toda imitando os tiques da minha tia e debochando, porque são os mais bizarros e engraçados, quando na verdade eu tenho alguma coisa também? Irônico, né? Tema para a próxima consulta com o psiquiatra.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Observe sua família. Pode haver informação importante para ajudar você no seu tratamento. 👀 ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀
Mas não tire conclusões sozinho, ok? Converse com o seu psiquiatra.


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *